Monumento àqueles que nunca nasceram!


Como uma forma de expressar a dor pela de um bebe sofrida por milhares de mães, Martin Hudáček um artista da Eslováquia teve a ideia de criar uma escultura que chame a atenção para a devastação que o aborto pode trazer para a mulher, mas, ao mesmo tempo mostre que a reconciliação e cura são possíveis.


A escultura mostra uma mulher com grande tristeza e de luto pelo aborto. A segunda figura na obra é a criança abortada, apresenta-se como uma criança, que de uma forma muito comovente, curando, vem para a mãe, para oferecer o perdão.
Martin Hudáček
Martin, que nomeou a obra de  "Monumento da criança não nascida" (Monument of Unborn Child em inglês), disse que a escultura "expressa a esperança de que é dada aos crentes por Aquele que morreu na cruz por nós, e mostrou o quanto Ele se importa com todos nós."

Elogiado por muitos como uma representação extremamente eficaz de trauma pós-aborto, o trabalho com sensibilidade comunica esta realidade e destaca-se muitas emoções e interpretações.

Marek Hudáček, irmão de Martin, disse que ele e seu irmão ficaram extremamente surpresos com as reações positivas de todo o mundo para a escultura, 

Nós não esperávamos ... A principal intenção do meu irmão para fazer a escultura não era para ser famoso, mas para falar a respeito da importância do valor da vida humana e da necessidade de protegê-la desde a concepção!

A escultura foi inaugurada na Eslováquia em Outubro de 2011, contando até com a presença do Ministro da Saúde da época, Ivan Uhliarik.


Fonte: lifesitenews e imaculadajacarei

Unknown

Colaborador do AAV. Tem uma grande paixão pelo blog mas vive não conseguindo deixar os posts em dia!

Comentário(s)